Envie uma mensagem e esclareça suas dúvidas com o Dr. Alexandre

Título Pós-Obesidade

Foto Pós-Obesidade Pessoas que foram submetidas à cirurgia bariátrica (de redução do estômago) perdem muito peso e necessitam dar forma ao novo corpo através da retirada de grandes sobras de pele resultante do emagrecimento.

A cirurgia plástica se desenvolveu bastante nesta área e proporciona uma série de procedimentos para resolver os problemas de excessos de pele e a flacidez do paciente, como: lipoaspiração, abdominoplastia, mamoplastia (redutora e de aumento), braquioplastia, cirurgia de coxas (excessos cutâneos em coxas), entre outros.

São necessários alguns cuidados extras nestes pacientes devido às limitações nutricionais impostas pela cirurgia bariátrica. São realizados exames de sangue para avaliação do estado nutricional, a liberação pelo cirurgião geral deverá ser esperada e não recomenda-se a associação de 2 ou mais cirurgias plásticas em um mesmo tempo cirúrigco.

É importante orientar o paciente que é preferível realizar uma cirurgia de cada vez, com intervalos de 2 a 3 meses entre elas. Para realizar qualquer cirurgia, o paciente deverá estar com seu peso estável por um período de pelo menos 2 meses, o que ocorre normalmente entre 12 e 18 meses após a cirurgia.

Para cada procedimento, há a escolha do tipo de anestesia, as cicatrizes são variáveis e o pós-operatório é específico em cada caso, sendo os cuidados pós-operatórios praticamente os mesmos para as respectivas cirurgias realizadas em não ex-obesos.

SBCP

Perguntas Frequentes

- Como é a cicatrização?

A cirurgia permite colocar as cicatrizes bastante disfarçadas (em "T", em "L", "I", periareolar, etc.), o que é muito conveniente nos primeiros meses. O tamanho da cicatriz irá variar em função do tamanho da mama e da quantidade de pele e tecido mamário a serem retirados.

- Qual a anestesia utilizada?

As mais utilizadas são a anestesia local e sedação, anestesia peridural e sedação e a anestesia geral.

- Que cuidados preciso tomar?

Deve-se trocar de curativos, usar medicamentos como antibióticos e analgésicos, fazer acompanhamento e retornos periódicos.

- Como é o pós-operatório?

A paciente poderá realizar a maior parte de suas atividades cotidianas, seguindo as recomendações médicas de não pegar pesos e manter a movimentação de braços dentro dos limites.